O Beijo Distante
 
José Ernesto Ferraresso
 
Ando por lugares ermos,
Gélidos , frementes e invasores.
Toques sensíveis, - não te sinto.
 
Sem olhares para o além- solidão.
Janelas se fecham para o infinito.
Tenho medo não consigo  falar-  mistério.
 
Sem receio tento te encontrar- procura.
Sem o som a melodia é  fúnebre- tristeza
Envolvo-te no meu íntimo solitário
Procuro por teus beijos ,
 não tenho , nem te vejo - dor.
 
Serra Negra/SP
-----
 
 
 
 
Un beso más que enorme
 
Ana Maria®
 
 
 
 
 
Tutorial registrado en:
 
 
Respeta el derecho de autoria