-----
 

 

 
 
 
Segredos da Noite
 
José Ernesto Ferraresso
 
Chega a noite e com ela a luz do luar,
Mistérios  pairam  no ar.
Este contraste me faz imaginar,
A saudade e as lembranças de algum lugar.
 
A noite é triste,
Escura e melancólica.
Surgem imagens nebulosas,
Momentos que a deixa misteriosa.
 
Quero senti-la perto de mim,
Temo e tenho de aceitar.
Sei que mais cedo ou mais tarde,
Vai acontecer e chegar.
 
Silenciosa ou agitada.
Ela vai ressurgir.
Trazer luz , paz, e até dor,
E nesta magia poderá florescer amor.
 
Serra Negra
 
 
 
 
 
 
 
 

VOLTAR