Meu jeito de amar
José Ernesto Ferraresso

 

Sempre te amei
De um jeito meio rústico
Mas amei e você gostava
E muito me amava

Sabe
Faz tempo!
Nunca escondi
O que vivi

Seu jeito de amar
Nos desgastou
Fez o amor terminar
Só saudade restou.

Hoje
Sinto, amo diferente
Esqueci-me do passado
Vivo apenas o presente.


Todos os Direitos Reservados


Está proibida a cópia total ou parcial desta página.


Voltar