QUERO-TE ASSIM...
 
José Ernesto Ferraresso
 
Tento  aceitar como és?
Fogosa, amante, mulher faceira.
Sem conseguir  compreender-te,
Tento te maltratar, e não consigo.
 

Quero te amar,  não me deixas ,
Esquecer-te, não consigo.
És impulsiva,
 Faz-me bem e mal.
 

Isso é bom?  É ruim?
Não sei como agir com isso.
Essa palavra "te amo" me ataca,
Não sei como  posso te aceitar,
 

E me atormenta, me maltrata,.
Não consigo deixar de te amar,
Tenho volúpia e paixão pelo teu jeito,
Que posso fazer com esse meu coração?
 
Serra Negra