Sou
Socorro Lima Dantas



Às vezes sou o sol,
outras, sou a lua...
Apaixonada pelo viver e sonhar,
vivo intensamente essa contradição.

Sou sol... Sou lua...
Quando estamos unidos,
quanta revelação !
Juntos, vagamos...
Inspirando corações apaixonados.

Desta minha objeção,
Sinto-me em constante exaltação !

Nas noites frias,
Sou um barco sem rumo,
flutuando pelas águas da vida !
Nos momentos assim percebidos,
procuro a bússola dos sentimentos,
sempre ela...
Minha eterna conselheira...
Para revelar-me o caminho perdido.

Confusa na elucidação,
aporto o meu ser
a procura de amparo
a minha incessante solidão.

Deparo-me com o sol,
que torna a abrilhantar o meu ser,
acalma o sentimento naufragado,
restituindo o sentido do meu viver !


 

Site da Autora
Recife-PE

 

Formatado por Lucia Trigueiro